A utilização de tecnologias no âmbito das Energias Limpas, ou seja eficiência energética e energias renováveis tem crescido enormemente nas últimas décadas.
Tecnologias, consideradas no passado como exóticas, estão agora disponíveis no mercado, representando alternativas economicamente viáveis aos sistemas baseados na utilização de combustíveis fósseis com todos os problemas associados, nomeadamente no que concerne à emissão de gases com efeito de estufa.

Vento e Água são tábua de salvação para Portugal sair da crise

A aposta nas energias eólicas e nos recursos hídricos foi reiterada, esta quarta-feira, por José Sócrates que considerou incontornável o facto das energias renováveis serem a «tábua de salvação» para a economia portuguesa poder sair da actual crise.
O primeiro-ministro afirmou que o reforço do investimento público irá para a área das energias renováveis, de forma a poder haver uma resposta para a crise financeira que o país atravessa neste momento.
«Qualquer que seja o Governo, tenha a cor política que tiver, procura áreas de investimento para reforçar o investimento público, e uma das áreas onde é mais claro o investimento dos Estados é a da energia. É por isso que vamos continuar com este projecto, de reforçar o investimento na área energética», considerou.
José Sócrates mostrou-se ainda determinado no investimento na construção de novas barragens.
«Portugal é o país da Europa que mais potencial hídrico tem por explorar, e, apesar de sabermos que temos de ter muito cuidado na construção de barragens, a verdade é que temos de fazer esse investimento para que Portugal possa também beneficiar dessa fonte de energia renovável», afirmou.
O primeiro-ministro considerou «a energia eólica e a energia hídrica, como o coração, a parte central do desenvolvimento que vamos fazer nos próximos anos».

As últimas NOTÍCIAS sobre Energia Renovável